Como acontece a dor nas costas

Como acontece a dor nas costasÉ praticamente impossível encontrar uma pessoa que, pelo menos um dia em sua vida, não tenha tido um grande problema com a terrível dor nas costas. Pior que isso apenas quem convive diariamente com essa condição que atrapalha os afazeres diários de milhões de pessoas no mundo todo. Antes de saber como se livrar desse incômodo, é importante saber como que a dor nas costas acontece para trata-la com maior eficácia.

A coluna é composta por 33 vértebras, sendo que 7 ficam no pescoço, 12 no tórax, 5 da cintura para baixo e 9 no quadril, perto dos glúteos. Entre os ossos ficam localizados os discos que servem como amortecedores, minimizando os impactos que ocorrem em nosso corpo diariamente. Já os ligamentos servem para unir as vértebras com a musculatura paravertebral, responsável por sustentar a coluna. Qualquer incômodo ou sensação ruim dentro dessa estrutura é chamado de dor nas costas.

A Organização Mundial da Saúde estima que cerca de 80% das pessoas terão pelo menos uma crise de dor nas costas durante sua vida e que destas 90% sofrerão com a continuidade desse problema. No Brasil, pelo menos 10 milhões de pessoas ficam incapacitadas devido a um problema relacionado a uma dor nas costas. Muitos desses indivíduos têm de faltar ao trabalho, precisando de licenças médicas para que não haja demissão.

Você não precisa conviver com esse problema que dificulta tanto as suas atividades rotineiras. Quer se livrar de vez da sua dor nas costas sem utilizar remédios ou cirurgias? Acesse www.dornascostasnuncamais.com.br e descubra como!

Se você gostou do post compartilhe no +1, Facebook e Twitter. Utilize os comentários abaixo para dúvidas, críticas ou elogios.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>